quarta-feira, novembro 07, 2012

Ponto Cruz

Passo a Passo do ponto cruz
                       1º passo:
                       Para bordar, você vai precisar de:

    §  Agulha
    §  Bastidor
    §  Linha
    §  Tecido
    §  Tesoura
   Ponto Cruz com avesso perfeito

 1º No direito, junte as pontas do fio e introduza-as na agulha. Passe a agulha    na vertical por entre a trama do tecido pelo direito e enlace a argolinha formada.

                                           

2º Puxe a linha de maneira que a argolinha fique no meio do bloco de fio usado como referência para o ponto.
No caso da étamine, o quadrinho.
                                           

3º Pegue a trama do tecido novamente, á direita. Puxe o fio formando um Y. Introduza a agulha na vertical selecionada o mesmo número de fios á frente e puxe.
                                           

  §  Carreira superior e arremate:

Volte cruzando os pontos da carreira inferior e arremate o fio passado à agulha por baixo dos pontos da carreira superior.

                                          

  §  Carreira inferior

Selecionando sempre o mesmo número de fios do tecido, trabalhe com a agulha na vertical, de modo que os pontos fiquem todos em diagonal.

                                            
  §  Descer na vertical

 Com a agulha na vertical, faça os pontos alternando um á direita, outro  á esquerda. Suba cruzando os pontos da mesma forma.
                                           

  §  Descer em diagonal

 Faça um ponto voltado para a esquerda e o seguinte, para a direita.        Volte cruzando um ponto por cima e outro por baixo até o início.

                                             

  § 



Continuação...


Descer alternando carreira

 Com a agulha sempre na vertical, desça quantas carreiras desejar e suba até a carreira inicial. Volte cruzando os pontos da carreira inferior pelo mesmo caminho.

                                            

  §  Subir na vertical

 Faça os ponto como se estivesse descendo, um para a direita, outro para a esquerda. Volte cruzando do mesmo jeito até o início.

                                           

  §  Subir em diagonal

Trabalhe da mesma forma ensina para descer em diagonal, direcionando um ponto para a direita e outra para a esquerda. Volte cruzando um ponto por cima, outro por baixo.


                 

  §  Subir alternando carreiras
 Suba o número de carreiras desejado e desça até a carreira  inicial.Volte cruzando do mesmo jeito usado para descer alternando carreiras.


                  

   §  Ponto isolado
      1. Comece fazendo Y de acordo com as instruções do início do curso. Volte com a agulha para o ponto inicial e leve-a para baixo, passando entre a trama do tecido para formar o X.
                                            

       2. Leve a agulha para o ponto oposto em diagonal, passando sob a última linha cruzada. Para o ponto não ficar muito volumoso, pode-se passar a agulha entre a trama do tecido – isso, só no caso da étamine.

                                           

      3. Desça novamente, introduzindo a agulha na vertical. Repita as duas seqüências anteriores quantas vezes achar necessário para prender bem a linha antes de cortá-la. Ou, então – no caso da étamine -, passe a linha por trás da trama.

                   


 Introduzir novas cores

    Ao terminar uma cor, inicie a próxima com o Y e siga até o final.Volte cruzando os pontos por cima. Ao cruzar o Y  inicial, passe a linha por baixo, em diagonal pelo direito e desça na vertical por trás. Repita esse  movimento três  vezes antes de cortar a linha – esse arremate e  usado sempre que  for preciso cortar a linha  na mesma carreira

                                            


Ponto cruz complementares


 ¾ de ponto simples

Saia com a agulha á direita e no meio do último ponto e leve-a até o alto do ponto vizinho. Esse ponto fica em diagonal no avesso.


              


¾ em duas cores

Comece no local indicado para o ponto, com o tradicional Y usado no início do curso – ele imita com perfeição o ¾.

              



¼ de ponto simples
Saia com a agulha de um dos cantos do bloco de fios – quadradinho, no caso da étamine – e leve-a até o centro do bloco seguinte.

              

¼ em duas cores
Puxe a agulha em um dos cantos do bloco de fios e leve-a até o meio do bloco seguinte. Complete o ponto com fio de outra cor.


              

 Ponto de contorno

Indicado para detalhes lineares e contornos: fica igual nos dois lados do bordado em trabalhos com avesso perfeito. Para esconder a ponta da linha no início, faça o primeiro enlaçada antes de cortá-la. Trabalhe como se fizesse alinhavos, alternando os blocos de fios. Volte, preenchendo os espaços vazios, e arremate o último ponto igual ao primeiro.
Gostou? deixe seu comentário.

12 comentários:

 
Agulhas & Pinturas © - Por Iza Costa
Antigo: Iza Artes e Criações